Logotipo Allameda
Home Page Quem Somos Serviços Cases Clientes Contatos
 
 
08/02/2003
Seu computador a serviço da Humanidade
por Willian Cruz

Quando você usa o seu computador para acessar a internet, redigir documentos no word, ler e escrever emails e outras tarefas light, você não está usando todo o poder computacional do seu micro. Isso não significa que seu computador é rápido demais para você: você percebe como ele é lento quando espera o Windows iniciar, quando chama um programa e aquela luzinha vermelha parece que não vai apagar nunca e quando você executa alguma aplicação mais pesada, como um editor de imagens ou um jogo de última geração. Mas as tarefas mais corriqueiras requerem pouco uso do processador.

Enquanto você está aqui lendo esse texto, o poder de processamento do seu computador que está sendo desperdiçado poderia estar sendo aproveitado com algo útil, como encontrar a cura do câncer. O quê?? - é isso mesmo, encontrar a cura do câncer!

A pesquisa que está sendo conduzida pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, e a Fundação Nacional para a Pesquisa do Câncer (EUA) baseia-se no estudo de proteínas que foram consideradas possíveis alvos para a terapia contra o câncer. Foi criado um programa de computador que procura moléculas que interajam com essas proteínas e que possivelmente possam ser transformadas em um medicamento.

O programa fica testando combinações de moléculas, tentando encontrar uma que se encaixe. Ele pode ser executado como um screen saver ou pode ser configurado para executar o tempo todo, ou mesmo para só executar em determinados dias e faixas de horário. Com isso você pode, por exemplo, deixar ele executando apenas de madrugada em um micro que precise ficar a noite toda ligado.

Torne o seu micro um voluntário na busca da cura do câncer. Instale o programa e recicle o tempo ocioso de seu computador, fazendo-o trabalhar para o bem de todos nós. Uma em cada quatro pessoas desenvolverá algum tipo de câncer, você pode precisar...

Outras iniciativas

Com esse mesmo programa, você pode ajudar também em outras pesquisas. Em 14 de fevereiro se encerrou a fase de computação distribuída da procura pela cura do Anthrax (sim, eles estão com muito medo do Bin Laden). Há uma outra pesquisa em andamento buscando a cura da Varíola, pelo mesmo medo de ataques terroristas. Quando você instala o programa, ele está configurado para trabalhar em todas as pesquisas disponíveis, mas se você quiser se dedicar 100% à pesquisa do câncer, você pode alterar essas configurações nesta página, editando seu profile, após ter instalado o software.

De onde veio essa idéia

Há alguns anos a Universidade de Berkeley vem desenvolvendo o projeto SETI@Home de computação distribuída. A idéia surgiu quando o projeto SETI (Search for Extra-Terrestrial Intelligence) perdeu boa parte do investimento que recebia do governo e não teria mais como manter os computadores de grande porte que utilizava. Esses computadores analisavam dados coletados por radiotelescópios, tentando identificar padrões de rádio possivelmente inteligentes.

Foi desenvolvido então um pequeno programa que seria distribuído a diversos microcomputadores pessoais, que pegariam trechos do grande conjunto de dados, analisariam e devolveriam os resultados processados. O projeto foi divulgado na Internet e, em pouco tempo, milhares de computadores em todo o mundo estavam rodando o tal programinha, fazendo com que o projeto SETI conseguisse um poder computacional total muito maior do que o que tinha antes do corte de verbas.

Hoje há, segundo uma página do projeto, mais de 4 milhões de usuários usando o tempo ocioso de seus computadores para ajudar o projeto SETI. O sucesso foi tão grande que depois de algum tempo eles haviam processado todos os dados que estavam acumulados e tiveram que colocar os radiotelescópios para esquadrinhar novas regiões do céu que ainda não haviam sido exploradas.


Sobre o Autor: Willian Cruz, Gerente de Sistemas e Desenvolvedor com 17 anos de experiência em informática, trabalhou para portais e empresas como Editora Globo, iG, Globo.com e Mandic, tendo participado de diversos projetos de publicação de conteúdo na internet. Acumulando experiência online desde a época das BBS’s, trabalha na construção de sites dinâmicos desde 1997. Atualmente trabalha na Chleba Tecnologia Interativa e é responsável técnico pelo iG Shopping.

(publicado em Allameda a 08/02/2003)

Compartilhar



Retornar
 
 
 
Artigos
Artigos de Clientes de Allameda, especialistas em várias áreas. A republicação é livre.
Releases
Acesso a todos os press-releases e informações chave de nossos clientes.
Fotos em alta
Fotos de produtos, executivos e instalações de clientes de assessoria de imprensa.

ALLAMEDA.COM R Dr Rafael Correia 65 Cjto 4 Vila Romana | São Paulo | +55.11.3926-5580

(C) 2002 ~ 2019 Allameda.com Assessoria de Imprensa